5 indicações de livros para professores se aperfeiçoarem

Foto Reprodução Internet

1 – O PAPEL DE PAREDE AMARELO

Autora: Charlotte Perkins Gilman

Editora: José Olympio

Edição: 1ª

Assunto: Ficção

Ano: 2016

Este livro foi lido, por muito tempo, como uma simples novela de horror, ao estilo de Edgar Allan Poe. Para além de suas características góticas e do drama bem construído, entretanto, ele constitui também um tratado sobre a opressão das mulheres e, não à toa, foi redescoberta por uma geração de teóricas feministas nos anos 1970. O livro narra, em primeira pessoa, a história de uma personagem forçada ao confinamento por seu marido e médico, que pretende curá-la de uma depressão nervosa. Proibida de fazer qualquer esforço físico e mental, ela fica obcecada pela estampa do papel de parede de seu quarto, e, por fim, enlouquece de vez. A trama foi inspirada em experiências da própria autora, que nos anos 1880 passou por um tratamento semelhante ao de sua personagem.

 

2 – PRÁTICAS DE LEITURAS PARA NEOLEITORES

Autor: Geraldo Peçanha de Almeida

Editora: WAK

Edição: 2ª

Assunto: Educação

Ano: 2014

O conceito de neoleitores está associado àqueles leitores que não possuem ainda as competências necessárias para desenvolver as múltiplas leituras. Eles lêem, mas não conseguem entender o significado do que leram. Não conseguem estabelecer comparações entre o que leram e o que já conhecem. Não conseguem fazer críticas da leitura que realizaram. Ou seja, são leitores em construção, e como tais, precisam de suporte dos professores e das metodologias que possam auxiliá-los nesta caminhada. Este livro é uma ferramenta para auxiliar nesta tarefa.

 

3 – TODA POESIA DE AUGUSTO DOS ANJOS

Autor: Augusto dos Anjos

Editora: José Olympio

Edição: 1ª

Assunto: Poesia

Ano: 2016

Dominado pelo pessimismo e influenciado pelo espírito positivista, o paraibano Augusto dos Anjos escreveu poemas viscerais que se tornaram extremamente populares. Nascido em 1884, ele fez da deterioração da matéria e da iminência da morte os temas centrais de sua obra, na qual aprimorou uma vasta terminologia científica. Para explicar a importância de Augusto dos Anjos dentro da história da literatura brasileira, a edição traz uma longa análise crítica escrita, na década de 1970, por ninguém menos que Ferreira Gullar.

 

4 – O EVANGELHO SEGUNDO A FILOSOFIA

Autor: Aurélio Schommer

Editora: Record

Edição: 1ª

Assunto: Filosofia

Ano: 2016

Quais escolas filosóficas influenciaram as biografias de Jesus Cristo? Quais as consequências das ideias-mandamentos para a Filosofia, para a moral e o modo de viver do homem? Estes são alguns questionamentos que o escritor Aurélio Schommer apresenta nesta obra. Deixando em segundo plano as questões relativas às origens de Deus e do universo, assuntos de interesse quase exclusivo dos filósofos, o autor investiga as relações da Filosofia com o Evangelho, simbolizado como um manual de instruções para a vida, ou seja, um código moral.

 

5 – TÉCNICAS DE COMUNICAÇÃO E ESCRITA

Autor: Izidoro Blikstein

Editora: Contexto

Edição: 1

Assunto: Comunicação

Ano: 2016

Quais são os segredos para escrever bem? Basta ter as regras gramaticais na ponta da língua? É suficiente ser craque em ortografia? É isso e muito mais. Este livro desvenda os mistérios do escrever bem para todos aqueles que sentem calafrios só de pensar que precisam redigir desde um simples e-mail até um relatório complexo. Serve de apoio para o professor aplicar em sala de aula a mesma linguagem leve, com exemplos didáticos, sobre como redigir um bom texto, qualquer que seja o gênero e a finalidade.