Análise de Iracema para o Enem

Iracema é uma das mais importantes obras da literatura brasileira e grande representante da primeira fase do Romantismo no Brasil, a indianista

Por Caroline Svitras | Foto: Reprodução/ José Maria de Medeiros| Adaptação web Caroline

O Enem se aproxima. Estamos a quase três meses da prova e, neste período, o essencial é revisar o conteúdo e preparar a mente. Para auxiliar o aluno, preparamos mais uma revisão das leituras obrigatórias, desta vez analisando a obra-prima de José de Alencar, Iracema.

Rúbia Fantauzzi, diretora pedagógica da rede de ensino M2*, nos concedeu as informações a seguir sobre a obra. Confira:

“O romance “Iracema”, de José de Alencar, foi escrito em meados dos anos 1865, ou seja, no século XIX, período em que aconteceram grandes transformações na vida da população brasileira. O período foi marcado por grandes e rápidas mudanças políticas como a Independência do Brasil, o 1º Império, a abdicação, as regências e disputas de poder, as revoltas regionais, o 2º Império e a República.

 

Um Brasil que, independente, mantinha a sua estrutura agrária e exportadora, mas que, inevitavelmente iria sentir os reflexos das transformações em curso na Europa (industrialização, consolidação do capitalismo, proletariado, socialismo, etc.).

 

“Um Império incipiente às voltas com escravidão e abolicionistas, heranças culturais desenraizadas que disputam a primazia de uma pequeníssima elite econômica… ao lado de uma elite cultural que “não tem passado” e espera o porvir para se tornar uma nação.”

Prepare-se para o vestibular

 

Ao relacionar o período histórico com a obra, pode-se observar que, por meio do amor de Iracema e Martim, Alencar constrói a imagem da fundação da identidade brasileira, ou seja, o autor apresenta a união entre o branco colonizado e o índio; do europeu civilizado e a cultura do bom silvestre, um dos pilares do emergente povo brasileiro.

 

A obra é marcada fortemente pelo romantismo. O que comprova este movimento literário se da ao fato da personagem Iracema se inserir na 1ª fase, também conhecida como fase Indianista, ou seja, o índio que até então era considerado um ser bárbaro, forte e selvagem, passa a ser visto como uma figura pura, sentimental e inocente.

 

Compreendendo Vidas Secas para o ENEM

 

Vejamos outras importantes características da obra:

• O contexto como um todo apresenta o conflito da oposição entre branco e índio; e das cidades com o sertão;
• O poema épico em forma de prosa;
• A obra possui excelente estrutura narrativa o que a consagrou no universo literário.

 

Aconselho que o estudante leia com carinho esta obra para poder identificar textos do romantismo, assim como as suas principais características e representantes, para que contextualizando-os na história do Brasil possa compreender a intenção que o autor pretendia passar para os leitores quando a escreveu. Iracema é uma excelente obra para quem não entende nada sobre romantismo e tem interesse em aprofundar nesse estilo de escrita. Boa leitura e estudos a todos (as)!”

 

*A instituição é uma rede de escolas particulares de Minas Gerais com unidades em Belo Horizonte/MG e Lagoa Santa/MG.