A leitura na idade adulta

É preciso gostar para criar o gosto no outro! Todavia, até que ponto nós, adultos, gostamos de ler?

Por Sandra Bozza* | Foto: Reprodução Internet | Adaptação web Caroline Svitras

Será que compreendemos, de fato, a importância da leitura em nossas vidas e como ela pode determinar o desenvolvimento do ser humano?

 

Se, por um lado, a literatura, a leitura fruição, a leitura prazer é capaz de suavizar nosso caráter, nos tornar mais sensíveis e nos transformar em pessoas mais solidárias e mais atentas ao mundo que nos cerca, por outro, o ato de ler mobiliza, simultaneamente, todas as capacidades superiores do cérebro: atenção voluntária, memória, abstração, generalização, linguagem, inferência…

 

Foto: Shutterstock

Trocando em miúdos, quanto mais lemos, mais inteligente ficamos. Essas capacidades eminentemente humanas não são herdadas a partir da genética e muito menos se caracterizam como dons divinos. Podem ser legadas culturalmente aos nossos filhos e nossos alunos. Porque o que nos torna ser humano, de fato, são as capacidades forjadas, sistematicamente ou involuntariamente, no cotidiano de toda a vida do sujeito. Ou seja, caracterizam-se como herança cultural. É o grupo social no qual se está inserido que determinará o grau de inteligência da cada membro que está sob sua tutela, sob o poder de sua educação.

 

Não é por acaso que, em todas as culturas do mundo, temos referenciais e experiências da família em torno de um livro, de um ancião no centro de um círculo de crianças ou de clássicos da literatura sendo revisitados através de todas as formas de representação, seja como filme, desenho ou animação. E todos, adultos ou crianças, se encantam e seriam capazes de assistir centenas de vezes aos mesmos episódios sem cansar, mesmo sabendo como termina. E isso só ocorre porque as narrativas nos constroem. É através delas que compreendemos melhor o mundo e é por elas que, nos desafiando, lançamo-nos em novas experiências do cotidiano.

 

Para ler na íntegra garanta a sua revista Conhecimento Prático – Literatura clicando aqui!

Conhecimento Prático – Literatura Ed. 69